5 regras essenciais de investimento para iniciantes

Tu queres começar a investir e eu quero que tenhas sucesso. Por isso é que neste artigo partilho 5 regras essenciais de investimento para qualquer investidor, seja ele experiente ou iniciante. Sim, também os experientes! Um investidor experiente não significa necessariamente bem sucedido :p Há muito erros cometidos por investidores que impedem o seu sucesso, e que lhes fazem perder muito dinheiro.

1| Preparação

A primeira regra essencial de investimento tem a ver com preparação. Antes de começar a investir deves fazer uma análise da tua situação financeira actual. Tens de garantir alguma segurança e estabilidade, porque investir implica inevitavelmente risco. Para isso tens de ter conhecimento e para teres conhecimento, tens de estudar.

Para começar a investir precisas de saber as opções que existem no mercado e as que combinam contigo. Aproveita para ler o artigo: Começar a investir do zero – Guia para iniciantes ou ver o vídeo no meu canal de youtube.

2| Ter sentido crítico

Já vimos que para poderes tomar alguma decisão de investimento, tens de ter informação. Para isso precisas de investigar, estudar, ler… Mas atenção que nem tudo o que lês, ou ouves é necessariamente verdade. Hoje em dia temos acesso a muita informação, o que é muito bom. Mas por outro lado, qualquer pessoa pode partilhar a informação que tu poderás vir a ler. Por isso deves ter um sentido crítico para poderes tomar decisões acertadas.

Aproveita para ficar a saber os meus livros preferidos sobre finanças pessoais, negócio e desenvolvimento pessoal: Livros Preferidos | Adquirir Conhecimento

3| Não esquecer os custos ou taxas

Se fizeres investimentos e não contas com os custos ou taxas associadas, podes nem estar a compensar. Podes ter um retorno alto, mas os custos são mais altos ainda, então não é um bom investimento. Por exemplo, no caso dos investimentos imobiliários, tens um apartamento que estás a arrendar. Tens de ter em conta custos de manutenção, impostos, custos de condomínio, o custo do teu tempo, da tua mão de obra, etc. Não se pode olhar só para o dinheiro que recebes bruto. Antes de pensares investir, calcula bem os custos associados.

Vale a pena investir propriedades imobiliárias? Vê aqui: Investimento Imobiliário | Vantagens e Desvantagens

4| Distribuir o Risco

Quem investe corre sempre riscos. Isso é inevitável. Por isso é essencial espalhar o risco e fazer vários investimentos diferentes. Além disso, e para garantir que tenhas sempre liquidez, antes de começar a investir, deves ter um fundo de emergência, ou seja um valor equivalente e seis meses das tuas despesas.

Este montante serve para qualquer situação em que precisas de liquidez no momento. Se tiveres todo o teu dinheiro investido em acções, por exemplo. E de repente precisas do dinheiro, mas as ações de momento estão negativas, estás lixado basicamente. Se tirasses o dinheiro, perderias dinheiro. Tendo um fundo de emergência, evitas este tipo de desgraças.

5| Não investir em entidades que desconheces

Se não conheces o tipo investimento que queres fazer, não invistas logo. Procura primeiro perceber melhor no que te estás a meter. A nível da bolsa, não convém investir em empresas que não conheces bem. Há muitas pessoas que investem porque alguém lhes disse que seria um bom investimento e sem perceber muito sobre o assunto, avançam. Não é boa ideia. Se não sabes, pesquisa, procura, lê. Não fiques ignorante.

Agora que já conheces as 5 regras essenciais de investimento, estás pronto para investir? Então verifica já qual o melhor investimento para ti neste artigo: Investir com pouco dinheiro | Qual o melhor investimento para ti ou vê o vídeo no meu canal de youtube.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *